quarta-feira, 5 de junho de 2013

"Portugal não é a Grécia".

O FMI acaba por dar razão ao (des)governo de Passos, Gaspar, Portas & Cª quando este proclama que "Portugal não é a Grécia". Erros grosseiros cometidos pelo FMI  na forma como lidou com a crise da dívida, só na Grécia.
O desastre causado em Portugal pela política de austeridade, é apenas devido à sobredose aplicada pela troika formada por Passos, Gaspar & Portas, com a bênção de Cavaco.
(Des)honra lhes seja feita!

1 comentário:

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

Às tantas, amanhã o FMI vem desmentir a existência desse relatório...