quinta-feira, 4 de agosto de 2011

Baratas tontas

Para o grupo parlamentar do PSD, uma chamada falsa para o 112, feita por uma deputada da sua bancada, Joana Barata Lopes, não é, "nem verdadeira, nem falsa". Foi só um teste. No entanto, Vítor Almeida, da Associação Portuguesa de Medicina de Emergência, não vai por aí e, pelo contrário,  entende que  “Um deputado deve ser exemplo para a nação e não pode ter atitudes destas que, por mim, roçam aquilo que é legalmente aceitável para além das questões éticas”.
Já a meu ver, a posição do grupo parlamentar do PSD revela que na respectiva bancada o que não falta são  Baratas tontas !

1 comentário:

Corega Eh Ficse disse...

é feio gozar com os cristãos-novos

todo o Barata é boa gente