sexta-feira, 21 de fevereiro de 2014

O óbvio

"(...)uma economia que sofreu três anos consecutivos de recessão, viu o desemprego disparar para 16% e regista uma dívida pública que galgou em três anos dos 94% para os 130% do PIB não está nem pode estar melhor do que estava."
(Pedro Silva Pereira; "O tiro no porta-aviões". Na íntegra: aqui)

3 comentários:

Majo disse...

~ ~ ~
~ ~ E se a refinaria afunda, lá se vão os anéis e os submarinos ... ~ ~
~

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

Só mesmo os ceguinhos do governo é que não percebem...

Francisco Clamote disse...

Pois é, Majo.
Eles não só percebem, Carlos, como até sabem. O que eles querem é que o "Zé" vá na conversa deles.