terça-feira, 24 de abril de 2012

Lembrete

O custo do trabalho em Portugal, por hora trabalhada, era, em 2011, de  12,1 euros,  bastante inferior, a metade da média em vigor na zona euro, que era de 27,6 euros.
Isto só para lembrar a estes governantes da treta,  na véspera da comemoração do 25 de Abril, que não é baixando ainda mais os salários dos trabalhadores que se aumenta a competitividade da economia portuguesa.
Uma evidência, não é? 
Para quem se guia pela cartilha ultraliberal, como este governo, pelos vistos, não é.

1 comentário:

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

Enquanto não chegarmos ao último lugar eles não descansam, FRancisco