sábado, 25 de abril de 2015

Um caloteiro e um pantomineiro

A afirmação bem pode servir de ilustração para o dito popular segundo o qual "para quem não tem vergonha [é o caso de ambos os protagonistas] todo o mundo é seu".

2 comentários:

Anónimo disse...

Aldraboes larapios e mentirosos nao encontro Mai's palavras !

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

Como se costuma dizer de alguns casamentos, assim só se estraga uma casa.