quarta-feira, 18 de dezembro de 2013

Só lhe faltam as asas...

...para ser um anjinho. Não há por aí disponível um par (de asas) para oferecer ao  António José (in)Seguro?

2 comentários:

Majo disse...

Bem vindo, Francisco.

Porque será que eu sempre o achei com cara desses seres alados?

Mas terá que ficar depenado, pois ninguém o quer na àrvore de Natal, nem os da esquerda, nem os de direita com quem andou a fazer conluios de poder.

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

Ele estava a precisar de colinho, Francisco. Perdoa-lhe porque ele não sabe o que faz