quarta-feira, 6 de novembro de 2013

"A cereja no topo do bolo"

Depois da defesa do "Estado mínimo" e da proclamação do vazio "Estado melhor" a cargo do inenarrável Paulo Portas, só faltava que Sua Ex.ma Nulidade, o ministro Aguiar-Branco, tivesse descoberto que existe em Portugal a "tentação de um Estado totalitário" provocada por um "Estado social absorvente".
Como é possível um tal desaforo? 
(reeditada)

1 comentário:

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

Creio que no seio do governo há um concurso para ver quem diz a frase mais disparatada. O vencedor não sofre cortes no OE 2014