sábado, 25 de outubro de 2014

"Patéticos" e "preguiçosos"


Não é que grande parte dos jornalistas da nossa praça não mereça os epítetos de "patéticos" e "preguiçosos" com que Passos Coelho resolveu brindá-los. Em todo o caso a acusação vinda da boca do suposto primeiro-ministro é um bom sinal, pois tem, de facto, o iniludível significado de que uma parte não despicienda da classe jornalística já deixou de acreditar nas patranhas do pantomineiro-mor e deixou de as reproduzir acriticamente em tudo o que é comunicação social. 
Já não era sem tempo!

2 comentários:

Henrique ANTUNES FERREIRA disse...

Chicamigo

Acabo de postar na Zorra da Boavista um pequeno texto sobre mais essa pulhice e má educação do sr. Coelho. Quousque tandem Coelhum abutere patientia nostra?

Porque um jornalista sério não gosta de ser chamado preguiçoso, orgulhoso e mentiroso. Vá à merda sr. Coelho!

Abç

Graça Sampaio disse...

Baixo nível! Parece que está a fazer comentários no facebook. Baixo nível! Nível Massamá, que mais se há de esperar?!