sexta-feira, 24 de fevereiro de 2012

Vicks VaporUb



Quem olhe para as medidas com que este governo se propõe combater o desemprego não pode deixar de concluir que para estes governantes a chaga social que ele representa não passa de uma constipação que se pode curar recorrendo a mezinhas. Ora, qualquer observador sabe que o mal não se cura com mezinhas pois a "febre" não cessa de aumentar. O dinheiro despendido com tais mezinhas que, pelo que se vê, não é pouco, é dinheiro desbaratado e mal gasto.

E ainda dizem que não há dinheiro para nada! Pelos vistos, há. Para propaganda, há sempre.


Post scriptum
Não é preciso ser especialista para saber que estas medidas não passam de propaganda (pura, dura e cara) pois toda a gente sabe, até porque se ouve todos os dias em tudo o que é comunicação social, que sem crescimento da economia nas ordem dos 2 ou 3 por cento, ao ano, não há criação de emprego. Os artolas também sabem que com a economia a decrescer 3,3% (ou, provavelmente, muito mais) em grande parte devido às medidas de austeridade tomadas por este governo, o desemprego só pode aumentar.  Eles, no entanto, também sabem que vale a pena investir em propaganda, porque há muita gente que facilmente se deixa enganar. Nesta matéria, eles são peritos. Como se viu e continua a ver.

2 comentários:

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

Eles precisavam era de um clister

Francisco Clamote disse...

Carlos, não sejas mauzinho.