quinta-feira, 26 de março de 2015

O todo poderoso técnico de informática

"Já sabíamos que ser técnico de informática é uma profissão de risco em serviços da administração pública. Volta e meia arriscam-se a deitar abaixo sistemas fulcrais como o Citius e, como se não bastasse, dão-se ao luxo de ter ideias arrojadas como a de criar sistemas de alerta informático para detetar acessos indevidos aos dados fiscais de contribuintes VIP.
O que agora ficamos a saber é que o técnico de informática é, além disso, a figura com mais poder na máquina do Estado. Qual ministro, secretário de Estado ou diretor-geral: o poder é verdadeiramente de quem domina as novas tecnologias. Essa é a única conclusão a tirar das mais recentes provas de que a famosa lista VIP - a tal que nunca tinha passado do plano das intenções e que foi sugerida pela Segurança Informática da Autoridade Tributária - afinal existe mesmo.
(...)" 
(Inês Cardoso; "Afinal havia lista ". Na íntegra: aqui)

1 comentário:

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

Isto está uma grande embrulhada!