terça-feira, 22 de outubro de 2013

"E que se lixe o povo"


A frase é dita com ironia, mas é isso mesmo o que este governo e a "amada" troika têm vindo a fazer: "lixar" o povo. Nem mais, nem menos. "Obrigado" e "apoiado", digo eu, não à troika, mas ao movimento "Que se lixe a troika".
A ironia e o humor também são armas a não desperdiçar. Contra o governo, contra a troika e contra todos os Camilos Lourenços ao serviço de um e  de outra. 

1 comentário:

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

Não sei se essa forma de ironia terá sido uma boa ideia...