quarta-feira, 30 de maio de 2012

Bem prega...



"A diretora do FMI (Christine Lagarde) - que numa entrevista publicada sábado disse estar mais preocupada com a África subsaariana do que com a Grécia e insinuou que o problema dos gregos era não pagarem impostos -, recebe ao todo 438.940 mil euros por ano sem ter de pagar qualquer taxa ao Estado."

Pelos vistos, não é caso único: "A mesma "benesse" têm quase todos os funcionários das Nações Unidas."
(notícia e imagem daqui)


4 comentários:

Anónimo disse...

A vida é feita de equilíbrios, yin e yang. A energia não se cria nem morre apenas se transforma.
Ora para haver equilíbrio se a Cristina e seus pares não pagam impostos, alguém tem de pagar e portanto quem paga somos nós, os camelos.

Francisco Clamote disse...

Camelos, diz muito bem. Burros de carga também não estaria mal.

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

Esta Lagarde é mesmo à Lagardère...

Majo disse...

~
~ Mal estamos nós, os pagadores de impostos, porque nos enganam com promessas...