domingo, 13 de maio de 2012

Provocação por provocação

'Tirem a estátua da República do Parlamento'

"Tirem a estátua da República do Parlamento", foi o que o deputado líder da JSPedro Delgado Alves, sugeriu, numa atitude assumida, pelo próprio, como provocatória, dizendo-se chocado com a supressão do feriado do 5 de outubro, comemorativo da implantação da República.
Provocação, por provocação, eu também tenho a minha a fazer. E aqui vai:
Se o governo Passos/Coelho e os deputados da maioria (com  honrosa excepção do deputado Ribeiro e Castro) atribuem tão pouca importância à independência de Portugal a ponto de também acabarem com o feriado do 1º de Dezembro, data da Restauração, não percebo o que é que uns e outros andam ainda a fazer por cá. Chegou a altura de o governo de Passos/Coelho se transferir em peso para Madrid, para o Palacio de la Moncloa, onde o amigo Rajoy há-de, com certeza, encontrar, um qualquer esconso onde todos eles se possam enfiar.

(Palacio de la Moncloa, em imagem daqui)


E o mesmo caminho em direcção a Madrid não pode deixar de ser apontado aos deputados da maioria, com a dita e honrosa excepção. No Palacio de las Cortes há uns quantos sótãos onde cabem todos. 

(Palacio de las Cortes, em imagem daqui)
E toca a andar que já está a fazer-se tarde!

1 comentário:

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

Como é que um governo que está a vender o país a pataco pode ter qualquer respeito pela nossa independência e soberania, Francisco?