terça-feira, 31 de julho de 2012

Pilatos

O Presidente da República aceitou os esclarecimentos do Governo quanto à "garantia de que será assegurada a estabilidade contratual e a protecção social dos arrendatários em situação de maior vulnerabilidade" e decidiu promulgar na segunda-feira, 30, o diploma que revê o regime jurídico do arrendamento urbano. 
Ou Cavaco é muito "crente", ou encontrou nos "esclarecimentos" do governo um excelente pretexto para daí (da lei das rendas) lavar as mãos, como Pilatos. 
Como não podia deixar de ser, tendo em conta o historial desta presidência da República, só posso optar pela última hipótese.

1 comentário:

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

Desde que ele ( ou a família)possa continuar a fazer bons negócios, aceita tudo.
Desde que cheguei tenho reparado que o homem anda com um sorriso de orelha a orelha. Pudera!