segunda-feira, 8 de julho de 2013

Cristo terá sido convidado?

Pelo que relatam os Evangelhos, Jesus Cristo, enquanto andou cá pela terra, viveu entre os marginalizados,os pobres e os pecadores e nunca conviveu, tanto quanto se sabe, nem com Pilatos, nem com os demais dignitários do seu tempo.
Assim, pois, se alguma coisa se pode dizer a propósito da entrada solene do novo patriarca de Lisboa, rodeada de toda a pompa e circunstância, contando com a presença de Cavaco Silva, Passos Coelho, Paulo Portas, Mota Soares e outras figuras do regime, alegadamente, com o estatuto de convidados, é que  todo este aparato está em completa desconformidade com a pregação e a prática de Jesus Cristo.
Não admira, por isso, que Cristo não tenha comparecido. Pelo menos, ninguém o viu, nem há registo fotográfico da sua presença física.
Terá sido convidado? Por certo que não, pois até o novo patriarca sabe que Cristo se sentiria, no mínimo, desconfortável em tal ambiente e numa tal companhia, sendo mesmo muito provável que acabasse por expulsar os vendilhões do templo. 
Um mau começo, Manuel Clemente.

4 comentários:

Anónimo disse...

Claro que foi. Mas a sua ausência deve querer dizer alguma coisa.

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

Aquilo parecia um vomitório!

Majo disse...



Muito bem!

Aprecio o seu sacarmo!

Majo disse...

Corrijo o lapso, deveria constar: "sarcasmo".

A memória de uma festa do PSD na igreja dos Jerónimos, abençoada por um patriarca! Incrível!