sexta-feira, 6 de janeiro de 2012

Com umas letrinhas apenas...

... se constrói uma frasezinha* bem reveladora do que um primeiro-ministrozito pensa da Casa da Democracia e, cela va sans dire, da própria Democracia.
*A frase "Vamos trabalhar agora, já são horas" dita por Passos Coelho, hoje, exactamente à saída do debate na Assembleia da República, não podia ser mais expressiva. Faz-me lembrar o outro que dizia "Deixem-me trabalhar" ou a outra que propunha "Suspenda-se a democracia por seis meses, para resolver os problemas" (cito de memória, mas a ideia era esta)
 Deve ser da genética do partido a que pertence o primeiro-ministrozito, o outro e a outra. Só pode.

1 comentário:

Miguel Gomes Coelho (T.Mike) disse...

Sem mais!
Um abraço, Francisco.div